ricardo carvalho + joana vilhena
  arquitectos

 
rcjv arquitectos

projectos

publicações

joana vilhena


ricardo carvalho
 

 
escola lima de freitas

exposição tratado dos olhos

a room for mexico city

hotel nas vinhas do douro

apartamento em santa catarina

exposição
the time machine


exposição
aica 30 anos de arte


exposição
30 anos aica arquitectura


exposição
edp novos artistas


centro cívico de santa cruz

centro de documentação apl

house in luanda

mude

escola sebastião da gama

escritório na baixa

novaforum

ciuc

casas na vila utopia

edificio em viseu

bar left

apartamento na sé

exposição
ruy jervis athouguia


sede da oa em faro

casa em vilamoura

casa em aljezur

exposição
prémio secil arquitectura


exposição m.n.e.

consultório

hospedaria em sintra
  expo mne








Após a divulgação dos resultados do Concurso para a Chancelaria e Residências da Embaixada de Portugal em Berlim, o Ministério dos Negócios Estrangeiros decidiu organizar uma exposição com todas as propostas. O conceito para a montagem da exposição consiste na instalação das peças expositivas ao longo de três espaços tipologicamente diferenciados entre si: o átrio, a antiga cozinha do Palácio das Necessidades e o Claustro. O modo de organização das peças vai reagindo ao espaço que as acolhe, sendo serial no átrio, concêntrico (à volta da mesa de pedra lioz) na cozinha e perimetral no claustro.
As peças foram concebidas como estruturas de MDF capazes de assinalar, através da variação formal, a posição dos concorrentes premiados. Assim nas peças destinadas aos premiados à estrutura de MDF é associada uma folha de flandres, de dupla face, que recebe o painel de concurso. As restantes peças acolhem os painéis através de cabos, que os deixam suspensos. O resultado mais surpreendente e inesperado do projecto, foi a aproximação expressiva do MDF polido ao material dominante no Palácio das Necessidades: a pedra lioz.

 
 
mne

 
     
 
Localização: Ministério dos Negócios Estrangeiros, Tapada das Necessidades, Lisboa.

Projecto: 1998

Obra: 1998

Arquitectura: Ricardo Carvalho + Joana Vilhena com Pedro Valagão

Cliente: Ministério dos Negócios Estrangeiros

Empreitada: Carpintaria António Nunes

| topo |